Seminários Mundos Juvenis - 11 de Fevereiro

 

Viver de arte: desafios para a formação e a inserção social de jovens artistas na Bahia, Brasil

Ivan Faria (UEFS e UFMG)

ICS-ULisboa, Sala 1, 17h30

Resumo: A presente comunicação tem como objetivo principal discutir como jovens egressos de cursos de formação artística tem se movido pelo incerto mundo das artes na Bahia, Brasil. Em primeiro lugar, apresenta algumas características do setor cultural no estado, descrevendo as condições de formação e trabalho na economia local. Depois, são analisados os perfis dos egressos de cursos de formação artística nas áreas de música, dança, fotografia e teatro, destacando os percursos de formação e de trabalho dos jovens. O estudo utiliza como estratégias metodológicas, a análise documental, a aplicação de questionário online com os ex-alunos dos cursos e a realização de entrevistas semiestruturadas com jovens egressos e educadores da área. Apesar da conhecida "vocação" musical da Bahia, os resultados preliminares apontam maiores dificuldades de inserção no mundo artístico justamente entre egressos dos cursos de música. Entre dançarinos(as) merece destaque o papel das redes de sociabilidade e trabalho para a construção de trajetórias no campo artístico.


Ivan Faria: Graduado em Psicologia e Mestre em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Doutorando em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Professor Assistente do Depto. de Educação da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Membro dos grupos de pesquisa e extensão Observatório da Juventude (UFMG) e TRACE (UEFS). Desenvolve pesquisa sobre juventude e suas relações com arte, cultura, educação formal e informal e trabalho.


  • Faixa publicitária
  • Faixa publicitária
  • Faixa publicitária

Contacte-nos